30 de mai de 2012

Por que não ser feliz?

Tem gente que não sabe curtir.
É verdade, só sabe sofrer, vive com um vazio dentro de si. Arrasta a vida. Quer terminar e nem se sabe o que.
Sempre esperando um fim, mas que fim é este? E o que vem depois?
Tem gente que tem tanto medo de se abrir pra vida, pras alegrias, o bem estar que se torna seca, rude e dura como um pau.
Não sabe sorrir, também não aceita um sorriso.
Como um bicho assustado e acuado no mato, não sabe distinguir seus inimigos de seus amigos e geralmente inverte e aceita quem irá maltratar e ataca, pensando em se defender, quem quer seu bem.
Tem gente que só conhece o escuro e não sabe aceitar as sutilezas.
Detesta os padrões mas não se permite sair deles e critica quem o faz e é feliz.
Espontaneidade jamais!
Crítica!
Crítica!
Crítica!
Crítica!
Crítica!
Crítica!
Crítica?
Será um escudo? Uma tentativa desesperada de se defender?
E assim a vida passa, as coisas simples, as boas, as ruins, as oportunidades que não voltam mais.
A fresca água acaba, a sombra assombra.
Amarga.
Distancia.
Esfria.

Nenhum comentário: